Candando em campanha com as mamãs

A insígnia lançou uma nova campanha, assente em testemunhos reais de três mães angolanas de diferentes idades

“As Mamãs precisam, o Candando tem” é o lema da última campanha da insígnia, que assenta em testemunhos reais de mães de diferentes idades e mostra de que forma a marca responde às suas necessidades e aspirações.
A nova campanha é protagonizada por três mulheres, “três mães lutadoras que tudo fazem a pensar na família: a Mamã Margarida, professora licenciada em psicologia aos 70 anos, a Mamã Ana Ventura, médica de profissão, de 37 anos e a Mamã Adelaide, administrativa, de 59 anos”, esclarece a cadeia de grande distribuição em comunicado.
“No fundo o Candando e as Mamãs partilham de uma mesma missão: dar o melhor às famílias angolanas. É por isso que prestamos este tributo e diariamente nos esforçamos por encontrar as melhores soluções para responder às suas necessidades, anseios e ambições”, acrescenta o comunicado.
A campanha TV apresenta assim as soluções da marca em diferentes filmes, que complementam o filme principal, onde a marca afirma estar ao lado das mamãs para levar o melhor às famílias angolanas.
Entre essas soluções, o Candando destaca o Cesto Candando, o qual contém 9 bens essenciais diferentes a 2.999 kwanzas, pão com preços a partir de 10 kwanzas, a possibilidade de encontrar diferentes formatos de venda ajustados ao ciclo mensal de consumo (venda à caixa, ao balde, à unidose, etc.), assim como “a segurança alimentar e garantia de frescura da sua vasta oferta de produtos nacionais, as soluções de refeição saborosas e acessíveis que um espaço familiar como a Crëmme oferece e a existência contínua de preços baixos em loja, pontuada com promoções especiais”, acrescenta o comunicado.
A campanha compreende um vídeo realizado com testemunhos dos familiares das mães que protagonizam a campanha, que a marca preparou para as surpreender na Fábrica do Sabão, e que pode ser visto em www.candando.com.
O Candando é uma empresa de retalho alimentar de capital 100% angolano, controlada pela empresária Isabel dos Santos.

Artigos relacionados

DESTAQUE OPINIÃO

OS TROCOS MAIS SUJOS QUE A ELITE “DOS SANTOS” DEIXOU PARA ANGOLA

Actualmente falar de Angola no contexto político, económico e social, tornaram-se “cláusulas” cada vez mais desconfortantes atendendo a porção de pancadas a que este povo é submetido constantemente e que no fim do dia não sabe onde mais se segurar, uma vez que a policia não está na rua para oferecer chocolates nem rebuçados!

Ler mais »

© All rights reserved

Made with ❤ by rotasweb.com