Cidade datada de 200 antes de Cristo descoberta na Catalunha

A cidade foi descoberta no âmbito de um programa científico promovido pela Universidade de Barcelona (UB) e pelo ‘Ayuntamiento’ (Câmara) de Banyeres del Penedès, cujos primeiros resultados foram apresentados hoje no palacete do século XVIII Heretat Sabartés, em Banyeres, 500 metros a norte da descoberta.

Joan Sanmartí e Jaume Noguera, docentes da UB, e Maria Carmen Belarte, do Instituto Catalão de Arqueologia Clássica, lideraram o projeto que descobriu uma povoação de importância similar à de Ullastret, o maior núcleo dos iberos descoberto até agora na Catalunha.

Os arqueólogos explicaram que os resultados da prospeção geofísica, realizada pela empresa SOT Prospección Arqueológica, e dirigida por Roger Sala, “revelaram boa parte de uma cidade com uma estrutura viária bastante regular, formada por umas ruas aproximadamente paralelas e largas e cruzadas perpendicularmente por umas vias mais estreitas”.

De momento, foram identificados cerca de 200 recintos, como praças, edifícios singulares, muralhas, torres e um grande fosso da que, aparentemente, foi a grande cidade da tribo ibérica dos cesetanos.

Os cesetanos viviam na zona que se estende entre o maciço de Garraf e de Balaguer e tinham a capital em Kesse, atual Tarragona.

Escavações nas décadas de 1980 e 1990 já apontavam para a eventual existência de uma grande cidade, que agora foi descoberta.
Os arqueólogos tinham garantido que a recolha de material cerâmico superficial e os anteriores trabalhos de escavação indicam que já existia um núcleo de povoação no século VI antes de Cristo, que durou até ao ano 200 antes de Cristo, quando foi abandonado devido à Segunda Guerra Púnica ou às revoltas indígenas imediatamente posteriores.

Artigos relacionados

DESTAQUE OPINIÃO

OS TROCOS MAIS SUJOS QUE A ELITE “DOS SANTOS” DEIXOU PARA ANGOLA

Actualmente falar de Angola no contexto político, económico e social, tornaram-se “cláusulas” cada vez mais desconfortantes atendendo a porção de pancadas a que este povo é submetido constantemente e que no fim do dia não sabe onde mais se segurar, uma vez que a policia não está na rua para oferecer chocolates nem rebuçados!

Ler mais »

© All rights reserved

Made with ❤ by rotasweb.com