Angola vai ter apoio financeiro do FMI

Angola vai ter ajuda financeira ao abrigo de um Programa de Financiamento Ampliado, num contexto em que, segundo o FMI, a economia está a crescer menos que o esperado

O Executivo “solicitou o ajustamento do programa de apoio do Fundo Monetário Internacional (FMI), adicionando-se ao mesmo uma componente de financiamento”, tendo em conta a evolução económica mais recente e de modo a facilitar a implementação do Programa de Estabilização Macroeconómica e do Plano de Desenvolvimento Nacional 2018-2022, revela um comunicado do Ministério das Finanças emitido esta segunda-feira.

A missão do FMI  que visitou Luanda, entre os dias 1 e 14 de Agosto deste ano concluiu que a taxa de crescimento do Produto Interno Bruto real para 2018 tem-se revelado mais moderada do que a esperada, reflectindo uma redução acentuada da produção de petróleo e de gás. Por esse motivo, espera-se um impacto negativo nas contas fiscais e externas e um aumento do défice da conta corrente, o que terá levado o Governo a recorrer ao apoio financeiro do Fundo.

De acordo ainda com o comunicado, a missão do FMI, que reuniu com as autoridades e diversas entidades ligadas à actividade económica, concluiu que “as políticas e as reformas de estabilização macroeconómica que estão a ser aplicadas pelo Executivo continuam adequadas, com vista à promoção do crescimento económico e da diversificação da actividade económica”.
A missão do corpo técnico do FMI foi convidada a visitar novamente Luanda em Outubro de 2018, a fim de dar início às negociações ao abrigo de um Programa de Financiamento Ampliado (EFF – Extended Fund Facility) de dois anos, e que pode ser estendido em mais um ano caso se mostre necessário.

Artigos relacionados

DESTAQUE OPINIÃO

OS TROCOS MAIS SUJOS QUE A ELITE “DOS SANTOS” DEIXOU PARA ANGOLA

Actualmente falar de Angola no contexto político, económico e social, tornaram-se “cláusulas” cada vez mais desconfortantes atendendo a porção de pancadas a que este povo é submetido constantemente e que no fim do dia não sabe onde mais se segurar, uma vez que a policia não está na rua para oferecer chocolates nem rebuçados!

Ler mais »

© All rights reserved

Made with ❤ by rotasweb.com