Romano Fenati anuncia a retirada: “É melhor dizer adeus para sempre”

O italiano de 22 anos apertou o travão do seu compatriota quando os dois seguiam a mais de 200km/hora.

jovem piloto italiano Romano Fenati, que este fim de semana protagonizou um dos maiores gestos antidesportivos da história do motociclismo, decidiu retirar-se do desporto aos 22 anos, segundo anunciou esta terça-feira à imprensa italiana.

Fenati, que pressionou o travão do rival em plena corrida durante o Grande Prémio de São Marino de Moto 2, decidiu dizer adeus para sempre logo depois da equipa Mrinelli Snipers rescindir o seu contrato e da Federação Italiana de Motociclismo ter suspendido a licença para competir.

“Enganei-me, é verdade: quero desculpar-me a todos. Terminei o mundial de motos, não irei correr mais. Dei-me conta de que ninguém se preocupa por mim e pelo que estou a passar. Assim que é melhor dizer adeus para sempre”, sentenciou ao diário La Repubblica.

 

Artigos relacionados

DESTAQUE OPINIÃO

OS TROCOS MAIS SUJOS QUE A ELITE “DOS SANTOS” DEIXOU PARA ANGOLA

Actualmente falar de Angola no contexto político, económico e social, tornaram-se “cláusulas” cada vez mais desconfortantes atendendo a porção de pancadas a que este povo é submetido constantemente e que no fim do dia não sabe onde mais se segurar, uma vez que a policia não está na rua para oferecer chocolates nem rebuçados!

Ler mais »

© All rights reserved

Made with ❤ by rotasweb.com