Se hora deixar de mudar Portugal acorda de noite

Relatório do Observatório Astronómico propõe ao Governo que Portugal regresse à mudança de horas igual à que existia antes de 1996, antecipando entrada no horário de inverno em fim de Setembro.

O Governo português acaba de receber do Observatório Astronómico de Lisboa um relatório crítico sobre o impacto do eventual fim da mudança da hora legal, que aponta os efeitos “nefastos” que a população portuguesa sentiria se viesse a adoptar como permanente apenas uma hora e não as duas existentes – a de inverno e a de verão. Começar o dia de noite é apenas um deles, embora o dia já comece sempre de noite com o calendário actual de mudança de hora, acabando por terminar muito mais cedo, pelo que não se compreende a posição daquela entidade. Por outro lado, o encurtamento de uma  hora ao dia já em Setembro irá causar danos ao sector do turismo, actualmente uma das fontes em que se apoia a economia lusa.

Tudo aponta para que Portugal conserve no Inverno o horário de Verão, muito embora alguns “lobbies”, como o acantonado no referido Observatório defendam o oposto, com claros prejuízos para a economia lusa.

A discussão surge quando o presidente da Comissão Europeia garantiu, na sexta-feira, que aquele órgão vai propor o fim da mudança de hora na União Europeia. Jean-Claude Juncker justificou as alterações com os “milhões de cidadãos [que] disseram que não querem continuar a alterar o relógio”, numa consulta popular feita online por Bruxelas.

 

Artigos relacionados

DESTAQUE OPINIÃO

OS TROCOS MAIS SUJOS QUE A ELITE “DOS SANTOS” DEIXOU PARA ANGOLA

Actualmente falar de Angola no contexto político, económico e social, tornaram-se “cláusulas” cada vez mais desconfortantes atendendo a porção de pancadas a que este povo é submetido constantemente e que no fim do dia não sabe onde mais se segurar, uma vez que a policia não está na rua para oferecer chocolates nem rebuçados!

Ler mais »

© All rights reserved

Made with ❤ by rotasweb.com